Especial Puyo Puyo – Parte 13: Puyo Puyo 7

pp7_title.png

A série de matérias sobre Puyo Puyo que traduzimos aqui como parte deste especial só cobre os jogos lançados até 2005. Vários outros jogos da série foram lançados depois disso – eu não tive oportunidade de jogá-los, mas ao mesmo não acho certo encerrar estes especial sem ao menos mencioná-los. Por isso criei este post para dar uma pincelada geral sobre eles, para encerrarmos nosso especial de forma apropriada 😉

— Verythrax

Puyo Puyo 7 (ぷよぷよ 7) – Nintendo DS, PSP, Wii (2009)

Como tudo que é bom tem um fim, com Puyo Puyo 7 se encerra uma loga tradição de nomes com trocadilhos infames. Segundo a SEGA, sete é um de sorte e eles queriam celebrar a longevidade da série, que chegou ao seu sétimo jogo – se isso é verdade, jamais saberemos. A garota propaganda deste jogo no Japão é a Erika Toda, seguindo uma tradição da SEGA em usar mulheres para divulgar a série.

erika

Comercial com Erika Toda (assista abaixo)

A grande novidade nesta edição é o modo “Great Transformation” (だいへんしん “Daihenshin”), onde os personagens podem assumir a sua forma adulta ou de criança, podendo usar assim puyos maiores ou menores, respectivamente. Mas desta vez, ao invés da história se passar no universo clássico da série ou no universo “Fever”, a SEGA resolveu introduzir um terceiro e novo universo: o Japão – bem, não o Japão do nosso mundo, mas uma versão alternativa, com algumas diferenças (é possível ir do Japão para a Ilha da Páscoa de trem, por exemplo).

pp7_rain

Puyo Puyo 7 (Wii)

A história começa com uma chuva de puyos caindo sobre a Terra, e inundando um colégio. Uma estudante deste colégio chamada Rigo Andou conhece Arle, que a ensina à jogar Puyo Puyo para remover os puyos. Arle, estando em perigo, foge, e Ringo vai atrás dela, enfrentando novos e antigos oponentes da série, usando a nova mecânica de Great Transformation nas batalhas.

pp7_mini2

Puyo Puyo 7 (Wii)

Os oponentes, que são tanto da série clássica quanto da Fever, foram transportados para cá(?) da mesma forma que os personagens clássicos apareceram em no mundo de Fever, no jogo anterior.

pp7a

Puyo Puyo 7 (Wii)

No multiplayer, você tem a nova regra Transformation, onde os jogadores têm uma barra similar à do Fever, que pode ser carregada. Você pode escolher entre dois modos antes da partida, o “Mini Puyo Fever” ou o “Mega Puyo Rush”. Com isso seu personagem se torna criança ou adulto, dependendo da escolha. Em ambos os modos, quando a barra se enche, você fica invencível, e quaisquer nuisance puyos ficam barrados de cair na sua área de jogo até o tempo acabar.

aaa

Puyo Puyo 7 (PSP)

O modo Mini Puyo Fever é bem parecido com o modo Fever tradicional, mas agora os puyos são bem menores, e você precisa de muito mais deles para encher a tela, o que permite fazer combos muitos maiores. Como no Fever, combinações pré-definidas cada vez maiores são apresentadas à você à medida que você avança.

pp7_mini

Puyo Puyo 7 (Wii)

Já o modo Mega Puyo Rush é justamente o contrário, os puyos são bem maiores, e você precisa de muito menos para preencher a tela. E aqui combinações pré-definidas não são apresentadas – o foco aqui não é fazer combos grandes, mas sim fazer a maior quantidade de combos possível (por isso o “Rush” do nome) e quanto mais combos você faz, mais forte os últimos vão ficando.

puyo-puyo-7-4e262839a8042

Agora também há um botão de “quick drop”, similar ao Tetris, quando você aperta o direcional para baixo (ou para cima, em algumas versões), só que com um botão dedicado para isso.

Além disso o jogo conta com as tradicionais regras do Puyo Puyo clássico, do Tsu, e do Fever, mas estranhamente as regras do SUN não estão presentes desta vez. E obviamente, o modo Nazo (Missão) está de volta também.

pp7_fever

Puyo Puyo 7 (Wii)

Apesar do quick drop ser uma novidade bem vinda, o modo Transformation não é muito balanceado, efaz as batalhas se arrastarem demais, devido à invencibilidade, que pode durar até 99 segundos por vez. Outro problema é que a seleção de personagens foi bastante reduzida em comparação com os jogos anteriores, e eles contam com poucas animações – tá certo que eles agora tem duas versões cada, mas mesmo assim, soa como se a SEGA tivesse tomado um atalho grosseiro de design.

puyo_7_official_cover_by_chronotata

Capa em fake inglês feita por ChronoTata

Novamente, este jogo nunca foi lançado fora do Japão, mas nossos amigos do Romhacking e Puyo Puyo Nexus têm a solução.

Vídeos

Fontes: Puyo Puyo Nexus, Wikipedia

Semana que vem: vigésimo aniversário!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s