Devastator (Mês do SEGA CD)

mes_sega_cd

HG101_logo_SMALLER

Por

dev__

Devastator (デバステイター) – Mega CD (1993)

devastator

Capa

Os desenvolvedores dos jogos licenciados muitas vezes se desviam do material original para que seus jogos não caiam na mesmice, e algumas vezes é melhor assim. O jogo foi lançado como veículo promocional de um anime obscuro chamado D-1 Devastator. Em D-1 Devastator Nesse anime uma dimensão alternativa pode ser penetrada quando um veículo atinge a velocidade de 300km/h. Em dado momento um trem-bala conseguiu entrar nesta dimensão e foi atacado forças demoníacas chamadas de Devastators.

dev2

Com esse roteiro limitado e à despeito das oportunidades desperdiçadas, o anime de Junji Nishimura deixou a Wolf Team com pouquíssimo material para trabalhar. No começo de cada fase o seu mecha se transforma de carro em robô, mas isso não afeta o gameplay. Talvez, além das fases de plataforma e tiro, poderíamos ter fases a la OutRun, ou um minigame ao estilo do Top Gun, onde o jogador poderia se desviar dos obstáculos até alcançar a velocidade de 300km/h. E fora alguns inimigos que lembram os que aparecem no anime, eles são todos exclusivos do jogo.

dev3

Seu robô é equipado com um anker [sic], que alcança até metade da tela. Sua arma pode ser melhorada ao coletar itens deixados pelos inimigos que piscam. Os powerups disponíveis são: um spread shot, laser em hélice dupla, e uma bomba que se divide. Você pode coletar mais de um destes para aumentar a força da sua arma. Depois de aumentada quatro vezes, os powerups só te dão pontos extras. Os inimigos que piscam deixam itens que restauram energia, e pontos de interrogação que te dão mais pontos. Quando os itens são coletados, o seu mecha fica temporariamente invencível.

dev13

 

Devastator conta com um desafio balanceado e sem muita frustração. Com continues ilimitados e vidas extras sendo encontradas facilmente, a maioria dos jogadores é capaz de completar esta aventura de sete fases em algumas tentativas. Para aqueles que tiverem mais dificuldade ou quiserem mais desafio, é possível escolher entre as dificuldades Easy e Hard. Há também uma opção para aumentar o número de vidas. Dito isso, a última fase do Devastator é um boss rush em formato de jogo de tiro, sem checkpoints entre os chefes. Não há savegames ou sistema de passwords. Por isso os jogadores precisam separar um tempo ou reduzir a dificuldade se não estiverem dando conta.

dev5

As fases em Devastator alternam entre jogo de plataforma e jogo de tiro. Nas fases de plataforma, o mecha tem os controles padrão para andar, saltar, agachar e deslizar. Deslizar é especialmente útil, pois empurra os inimigos para trás, causando-lhes dano. Estas fases de plataforma oferecem um bom desafio, sem serem difíceis demais. A dificuldade nas fases de tiro é menor se comparada  com a maioria dos jogos do gênero. Apesar da sprite do seu mecha ser um tanto grande, seu hitbox é pequeno. Além dos controles comuns para jogos de tiro, o botão de pulo vira o seu mecha, para que você possa atacar os inimigos que se aproximam por trás.

dev12

Como na maioria dos jogos de ação lateral, o destaque em Devastator fica por conta dos duelos contra os chefes: a maioria dos chefes do jogo tem múltiplas formas e mudam os padrões de ataque no meio da luta. Tanto nas fases de plataforma quanto nas de tiro, os chefes contam com ataques exclusivos e poderosos. Seja com os chefes disparando múltiplos lasers ou plantando minas na areia, o jogador deve estar sempre atento e memorizar seus ataques para vencer. Mesmo com seus ataques poderosos, nenhum dos chefes parece “apelão” ou injusto.

dev_bottom

Este jogo da Wolf Team não impressiona tecnicamente como outros jogos para Mega CD, mas tem algumas transparências bacanas e efeitos de scaling. Compensando a falta de apelo técnico, a arte é bem detalhada. Devido ao escasso material fonte, a arte do jogo é muito influenciada por outros animes e mangás, sendo Masamune Shirow a influência mais óbvia. As sete fases de Devastator se passam em diversos locais, como castelos, tempestades de areia e cavernas, deixando as coisas sempre interessantes no quesito visual. É justo dizer que a primeira fase tem um esquema de  cores horrível, mas passando ela, o resto do jogo é relativamente bonito. Como nos outros jogos da Wolf Team para Mega CD, os vídeos são bem encodados em tem uma ótima clareza visual.

dev1

A trilha sonora de Devastator é exclusiva para o jogo, e não conta com nenhuma música  oficial do anime. Composta por Motoi Sakuraba, Ryota Furuya, e Shinji Tamura, ela cobre uma grande game de estilos musicais, indo de jazz-fusion até synth music e passando por vocais harmônicos durante as lutas contra os chefes.

Anime

vhs_cover

Capa do Anime

D-1 Devastator, o anime, é bastante difícil de se encontrar, e só foi lançado no Japão em VHS e Laser Disc. Sem lançamento em DVD nos EUA, ou torrents de fansubs, só os fãs mais hardcore serão capazes de encontrá-lo e apreciá-lo. O anime não está disponível em nenhum serviço de download, e considerando o quão obscuro é, provavelmente isso não acontecerá tão cedo.

Nota do Tradutor: ERRADO! Dá pra assistir D-1 Devastator sim, e em inglês! Em dezembro de 2019 foram disponibilizados os 2 episódios de D-1 Devastator no YoutTube (veja abaixo na seção de vídeos), mas sem legendas, infelizmente. Mas no site KissAnime há o primeiro episódio legendado! Com um pouco de sorte, em breve teremos os segundo episódio legendado também! Abaixo segue os dois capítulos do anime, em japonês!

Mais Fotos

Vídeos

Playlist com a trilha sonora:

Anime, Ato 1 (em japonês):

Anime, Ato 2 (final, em japonês):

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s