Vampire: Master of Darkness (Mês do Master System)

mes_master_system
HG101_logo_SMALLER

Por em outubro de

vamp

Vampire: Master of Darkness / In the Wake of Vampire / Master of Darkness – Game Gear, Sega Master System, Nintendo 3DS

Basta uma olhada em Vampire: Master of Darkness (ou In the Wake of Vampire, dependendo da versão que você está jogando) e fica óbvio que se trata de uma cópia descarada de Castlevania. A ambientação é um pouco diferente, pelo menos. O jogo se passa em Londres, na mesma época do livro Dracula de Bram Stoker, onde você controla o Dr. Ferdinand Social, que começa investigando os assassinatos de Jack o Estripador, mas acaba descobrindo que eles são na verdade a obra de um vampiro. Sua investigação o leva à uma caça ao vampiro por toda a Inglaterra para pegar este assassino.

1383741642794
Master System

O design básico das fases é mais ou menos o mesmo de Castlevania, com várias plataformas conectadas por escadas e fases repletas de zumbis, fantasmas, esqueletos e móveis possuídos. Powerups estão escondidos em máscaras flutuantes, ao invés de velas. Alguns dos lugares são originais em comparação aos jogos da série Castlevania que haviam sido lançados até àquela época, como as ruas enevoadas de Londres da primeira fase, ou o museus de cena que faz papel de casa mal-assombrada, mas quando você chega ao topo da igreja e começa à se pendurar nos pêndulos da torre do relógio, fica claro que alguns programadores da SIMS queriam e MUITO estar na verdade trabalhando para a Konami.

1383741814577
Master System

Há alguns ajustes, cuja a maioria é bem-vinda. Curtas cenas de história após cada fase dão um mínimo de contexto à aventura. Dr. Social é um pouquinho mais fácil de controlar que os membros da familía Belmont, já que ele pode mudar de direção em pleno ar e até pular das escadas (mas não pode pular para elas). Algumas fases tem algumas pequenas bifurcações, ou pelo menos áreas extras onde você pode encontrar mais powerups. A última fase é um labirinto não-linear, que é um saco de se explorar, mas pelo menos serve para diferenciar o jogo de sua inspiração.

1383741857523
Master System

O maior problema de Master of Darkness não é o seu plagiarismo óbvio, mas sim uma falta de compreensão do que tornou Castlevania um jogo tão impressionante para início de conversa. O ritmo, movimento do personagem e dos inimigos são tão perfeitamente calculados que uma vez que você aprende o timing, destruir a maioria dos inimigos se torna razoavelmente fácil. Tal ênfase não está presente no design de Master of Darkness. Os inimigos atacam de forma rápida e imprevisível, especialmente os infernais morcegos, que já são difíceis de se enxergar, quem dirá acertar. Além disso, muitos inimigos precisam de dois golpes para morrer, exigindo um timing perfeito para os golpes consecutivos.

1383742483594
Master System

A única coisa que impede este jogo de ser quase impossível de se jogar é que você pode levar uma enorme quantidade de dano. A barra de energia é formada por dez esferas, mas a maioria dos inimigos só te tira meia esfera, ou até menos que isso. O resultado disso é que o jogo parece mal-feito, já que você vai tropeçando pelas fases, tentando minimizar o dano causado por inimigos que são quase impossíveis de se acertar com precisão, até achar um powerup de energia que te permita completar a fase. As fases são divididas em três áreas menores, que tendem à serem mais longas do que deveriam, especialmente as em que você fica trancado numa sala e precisa derrotar os inimigos que não param de aparecer é até o jogo cansar de jogar mais deles contra você.

1383743013981
Master System

Existem quatro armas principais – a faca padrão, uma espada de esgrima e uma bengala. A faca tem um alcance tão curto que é praticamente inútil, e armas novas não aparecem tão regularmente quanto deveriam. Além disso, as novas armas não funcionam em uma progressão linear – você pode estar em um momento com uma espada e então pegar uma faca acidentalmente e acabar ferrado. As armas secundárias, como bombas e bumerangues – ajudam à vencer a distância entre o personagem e os inimigos e são úteis contra os chefes, mas fora isso são muito lentas e fracas para serem muito úteis durante as fases.

1383743546035
Master System

Falando dos gráficos, Master of Darkness consegue imrimir uma atmosfera gótica única, apesar de algumas sprites e cenários parecerem ter vindo diretamente de Castlevania. Talvez devido à maior paleta de cores do console de 8 bits da SEGA e por causa do maior nível de detalhe que ela permite, as fases parecem sempre envoltas em escuridão, uma sensação que o Castlevania original só conseguia capturar de vez em quando. O tabuleiro de Ouija que serve como tela de password também é um detalhe bacana. Musicalmente falando, o jogo não consegue replicar o talento da Konami. As músicas não são ruins, mas são completamente esquecíveis.

1383742637700
Master System

A ambientação vitoriana era na época a única coisa que realmente separava este dos jogos da série Castlevania. Jogos mais tardios da franquia, como Castlevania Bloodlines e Castlevania Portrait of Ruin trouxeram a série para mais perto do livro de Stoker e se passam no começo do século vinte, logo uma parte do apelo deste jogo se perdeu com o tempo. No fim das contas, só o que restou foi a reputação de “cópia não tão ruim de Castlevania da SEGA”, que é uma interessante alternativa para os fãs da série, mas que fora isso é apenas mais um jogo legalzinho.

1383743493695
Master System

O jogo foi lançado nos Estados Unidos e Japão apenas para o Game Gear, mas recebeu uma versão para Master System na Europa e Brasil. O jogo é substancialmente melhor no Master System devido ao maior campo de jogo na tela, já que as sprites são bem grandes e ficam bem apertadas na telinha do Game Gear. O jogo acabou sendo lançado também no Virtual Console do 3DS, mas apenas em sua versão para Game Gear.

1383743523613
Master System

Mais Fotos

Comparativo de Fotos

Vídeos

Master System:

Game Gear (Americano/Europeu):

Game Gear (Japonês):

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s